Marcantes vozes da música sertaneja se reúnem no projeto “Clássico”

(Foto: Filipe Vicente / Setor VIP)

(Foto: Filipe Vicente / Setor VIP)

Com cara de sono e um sorriso sincero, Bruno cumprimenta as pessoas que o aguardam para um bate papo. De óculos de sol, Marrone tenta passar despercebido. Chitãozinho e Xororó chegam juntos e juntos os quatro artistas recebem seus convidados para falar sobre o projeto “Clássico” (2016), no gracioso restaurante Alto da Harmonia, em São Paulo. “Para nós é um momento muito especial. Acreditamos que é um momento tão bom quanto a nossa parceria ao lado de Zezé di Camargo e Luciano e Leandro e Leonardo”, afirma Chitãozinho ao relembrar o show “Amigos”. “Hoje estamos revivendo esses momentos bacanas e confesso que em quatro é bem mais tranquilo”, brinca.

“Clássico” nasceu de um encontro especial em Barretos e chamou a atenção dos produtores. O show viajou o Brasil e agora chega às lojas em CD, DVD e uma edição especial com três discos, contendo imagem e som na íntegra. “Nos falamos por telefone e quando nos encontramos combinamos o roteiro. Não foi nada ensaiado”, confessa Xororó. “Com as duas bandas no palco, pudemos combinar algumas músicas para fazermos juntos. Foi uma apresentação super espontânea. Naquele ano ganhamos como melhor show de Barretos, modéstia à parte”, orgulha-se. As duplas dividem os vocais em canções como “Página de Amigos”, “Nascemos Pra Cantar” e “Força Estranha”.

(Foto: Filipe Vicente / Setor VIP)

(Foto: Filipe Vicente / Setor VIP)

A gravação aconteceu em abril, em São Paulo, e obrigou os cantores a se reunirem de fato e decidirem qual seria o repertório. O espetáculo foi sendo criado na estrada e cada um modificava o que achava que devia conforme o tempo. “Existe um carinho especial entre as duplas, um respeito pela história, pela carreira, pelo repertório. Foi fácil escolher o repertório, difícil foi tirar música”, afirma Xororó. “Graças à Deus, tanto uma dupla quanto a outra tem muitos sucessos, mas fomos muito felizes com as escolhas, a cada show temos tido uma resposta muito grande, muito positiva e nós estamos muito felizes com o resultado”, orgulha-se.

Para a surpresa dos admiradores do gênero, os artistas apresentam as inéditas “Você Me Trocou”, “Palavras São Palavras” e “Eu Vou Te Esquecer”. “Começamos a trocar mensagens e chegamos à conclusão que cada um deveria escolher duas músicas, porque os gostos são muito variados”, conta Xororó em relação ao processo de escolha das novas canções. “O Bruno pensa mais em músicas comerciais e nós pensamos mais no conteúdo. O projeto é um projeto mais comercial e nós tínhamos que nos sentir bem cantando as novas canções tanto quanto eles. Achamos que foi a melhor maneira de escolher”, conclui.

(Foto: Filipe Vicente / Setor VIP)

(Foto: Filipe Vicente / Setor VIP)

“A gente gosta dessa coisa mais clássica também, até porque aprendemos a cantar com o que eles faziam. O que foi mais complicado para mim foi tentar agradar o Chitãozinho e o Xororó dentro daquilo que a gente está fazendo hoje e dentro do que o sertanejo mais jovem está fazendo”, explica Bruno. “A gente procura sempre reciclar e renovar o nosso público, que é o mais complicado, mas a música ‘Você Me Trocou’ é a mais tocada em todo o Brasil”, finaliza concluindo que a renovação dos admiradores tem alcançado o que desejam.

“Foram três dias de gravação, no último o Bruno estava no palco ensaiando uma música…”, começa Chitãozinho. “Ouvimos uma vez, ensaiamos uma vez e decidimos colocar no DVD. O Marrone nem estava no palco”, empolga-se Xororó. “O Marrone faz milagre, entra no palco sem saber a música e canta”, brinca Chitão. “O importante é chegar e fazer!”, orgulha-se Marrone. O momento descontraído destaca a inédita “Eu Vou Te Esquecer”. “A música é linda, uma das minhas preferidas, estou ouvindo no meu carro direto”, confessa Chitãozinho.

>> Chitãozinho, Bruno, Xororó e Marrone cantam clássicos em gravação de DVD

(Foto: Filipe Vicente / Setor VIP)

(Foto: Filipe Vicente / Setor VIP)

Com uma tiragem inicial de 50 mil cópias, o DVD deve alcançar o merecido sucesso após chegar às lojas. “O lançamento desse DVD em 2016 é para colhermos os frutos em 2017. Pretendemos trabalhar muito esse show no ano que vem”, conta Bruno. “Os shows são os nossos termômetros e assistindo ao DVD nós sentimos que está bem próximo do que é o nosso show”, completa Xororó. Os cantores prestam ainda uma merecida homenagem ao gênero musical que os consagrou com canções como “Estrada da Vida”, “Boate Azul” e “Ainda Ontem Chorei de Saudade”, momentos emocionantes e inesquecíveis para guardar na memória e no coração.

“Clássico” é uma reunião forte e envolvente, que merece atenção. Bruno e Marrone tem 30 anos de carreira. Ao lado de sertanejos como Zezé di Camargo e Xororó, Bruno se tornou uma das mais poderosas vozes do cenário musical brasileiro. Chitãozinho e Xororó são considerados patrimônio cultural, tamanha a identificação que o público sente ao vê-los e ouvi-los. São mais de 37 milhões de discos vendidos e centenas de prêmios. Todas as tradicionais canções fazem parte do show que poderia facilmente ser chamado de “para cantar junto”. “Evidências”, “Dormi na Praça”, “Fio de Cabelo”, “Vida Vazia”, “Galopeira” e “Choram as Rosas” são só alguns dos capítulos da história das duplas registrados de maneira moderna e convidativa no DVD.