Procópio Ferreira recebe a reestreia do musical “Tim Maia – Vale Tudo”

Se você ainda não assistiu, provavelmente ouviu falar. O musical “Tim Maia – Vale Tudo”, que alçou o neto de Sílvio Santos, Tiago Abravanel, ao estrelato, movimentou a cena teatral paulista e carioca pelos últimos dois anos. Foram centenas de apresentações esgotadas, espera de meses por um par de ingressos e uma plateia tão famosa que inclui os companheiros de Tim, Roberto e Erasmo Carlos.

foto2

De volta ao Teatro Procópio Ferreira em São Paulo, o espetáculo traz o talentoso Danilo de Moura no papel principal. Era ele quem substituía Tiago quando o ator tinha qualquer impossibilidade de apresentar-se. Danilo tem as melhores características de Tim: a voz e o carisma. É impossível imaginar alguém que se encaixe tão bem no papel como ele. A plateia que acompanhou emocionada às interpretações de “Azul da Cor do Mar” e “Gostava Tanto de Você”, aplaudiu merecidamente Danilo como se ele fosse o próprio cantor. O ator segura em suas costas – e não seremos injustos, divide certa responsabilidade com as estrelas Lillian Valeska e Izabella Bicalho – os louros das apresentações.

foto1

Apoiados por uma produção simples mas eficaz e por uma banda afiada, o musical está longe de ser o melhor espetáculo da Terra e o coro é o grande responsável por isso. Desconcentrados, não fizeram questão de esconder as dezenas de risadas fora de hora, muitas pernas, braços e olhares impacientes e até um bate-papo descontraído no meio de uma das cenas mais sérias da história. Segurar o riso quando a porta emperrou durante a briga de Tim com sua esposa? Nem pensar! Por sorte, o profissionalismo de quem se entregou de corpo e alma ao trabalho e apresenta-se como se fosse a primeira vez, emociona e faz do show um espetáculo que, literalmente, vale tudo.

Assista ao vídeo gravado durante a estreia do espetáculo no Rio de Janeiro:

O musical “Tim Maia – Vale Tudo” está em cartaz no Teatro Procópio Ferreira em São Paulo, de sexta à domingo até o dia 25 de agosto. Baseado no livro de Nelson Motta e dirigido por João Fonseca, os valores vão de R$25,00 (meia) à R$120,00 (inteira).