São Paulo se diverte com o Baile do Bloco de Preta Gil

Preta-Gil-comanda-o-Baile-do-Bloco-da-Preta-na-Audio-Club-em-Sao-Paulo

Poucos dias após o tradicional ensaio no Clube Monte Líbano, no Rio de Janeiro, a cantora Preta Gil comandou o Baile do Bloco da Preta, na Audio Club, em São Paulo. Com um público cativo, carente por mais aparições da artista na capital paulista, a filha de Gilberto Gil divertiu a multidão que lotou a casa de espetáculos na última sexta-feira, 22.

Após se defender em suas redes sociais pelo direito de usar a roupa que bem entende e reiterar que se sente satisfeita com seu corpo, Preta Gil usou um maiô branco com detalhes brilhantes em tons de verde e roxo. Com as pernas de fora, a artista de 41 anos mostra no palco múltiplos talentos, que vão muito além de seu corpo perfeito. A divertida cantora não perde as piadas, mas não esquece em nenhum instante de promover a inclusão das minorias. “Não ao preconceito, não a homofobia!”, grita em determinado momento.

“Boa noite, Sampa!”, cumprimenta após a abertura da apresentação, que contou com seus maiores sucessos “Stereo”, “Sinais de Fogo” e “Meu Corpo Quer Você”. “Quem vem ao Bloco da Preta pela primeira vez? Todo mundo!”, brinca soltando um palavrão quando a plateia grita por sua atenção. Fato é que Preta Gil, embora seja a cara de cidades como o Rio de Janeiro e Salvador, é muito querida pelo público paulista e uma das artistas que tem sua ausência mais sentida por quem gosta de diversão e boa música.

>> Veja mais vídeos do Baile do Bloco da Preta no canal do Setor VIP no YouTube!

O Bloco da Preta é um desfile de canções conhecidas por todas as partes do Brasil. “Fogo e Paixão”, do mineiro Wando; “Mila”, do baiano Netinho; “Frevo Mulher”, do paraibano Zé Ramalho; “Camarote”, do cearense Wesley Safadão; e “Aquele 1%”, dos paulistas Marcos e Belutti; são apenas alguns exemplos da mistura que anima e integra a plateia. Não há como ficar parado.

Frases como “Quem vai beijar muito nesse Carnaval?”, “Eu quero ver língua!”, “Quem vai ser penetrado hoje?”, “Usem camisinha!” fizeram parte da apresentação da cantora que teve como destaque as canções “Fui Fiel” (Gusttavo Lima), “O Canto da Cidade” (Daniela Mercury), “Tempo de Alegria” (Ivete Sangalo), “Hoje” (Ludmilla) e o mega sucesso “Bang” (Anitta). “Eu não sei dançar essa…”, brinca soltando mais um palavrão em relação à coreografia-febre da canção.

Entre fotos e vídeos, muita interação com os fãs e uma simpatia pouco vista entre os artistas atuais, Preta Gil abriu o carnaval paulista com chave de ouro. A apresentação teve quase duas horas de duração, mas o público queria mais. Muito mais.

Preta-Gil-comanda-o-Baile-do-Bloco-da-Preta-na-Audio-Club-em-Sao-Paulo

A cantora Preta Gil desfila com o Bloco da Preta no dia 31 de janeiro, com concentração marcada para as 12h, na Rua Primeiro de Março, entre a Rua Buenos Aires e a Rua do Rosário, no Rio de Janeiro. O desfile começará às 13h e percorrerá a Rua Primeiro de Março até a Avenida Presidente Antônio Carlos. Com sete anos de existência, o Bloco da Preta quebrou vários recordes, arrastando mais de meio milhão de foliões e se tornando um dos mais famosos e aguardados desfiles do país. O percurso terá quatro horas de duração.

error: