Tiago Iorc recebe Maria Gadú em show da turnê “Troco Likes”

(Foto: Filipe Vicente / Setor VIP)

(Foto: Filipe Vicente / Setor VIP)

A quantidade de flashes revela a presença do cantor Tiago Iorc no palco do Espaço das Américas, em São Paulo. Com as luzes apagadas, o artista desliza os dedos pelo violão – único instrumento responsável pela melodia das canções durante a apresentação – e entrega os primeiros acordes de “Amei Te Ver”, talvez o maior sucesso da carreira do cantor até agora. Mesmo relativamente mais lenta e mais curta, a versão empolga o público que esperava ansioso para o show que faz parte da turnê “Troco Likes”, baseado principalmente no disco homônimo lançado em 2015. Passava da uma e meia da manhã do sábado (27) e a plateia cantava cada palavra à plenos pulmões.

“Bossa” antecede a simpática “Coisa Linda”, um dos momentos mais especiais da noite. “Boa noite, São Paulo!”, cumprimenta com seu sorriso galanteador. “Quem quiser pedir música pode pedir, mas não quer dizer que eu vá tocar…”, brinca antes de “Mil Razões”. “Quem já gostou muito de alguém talvez entenda essa aqui…”, discursa para introduzir a canção “Eu Errei”. “De Todas as Coisas” abre caminho para “Mulher”, primeira música do repertório que não faz parte do disco “Troco Likes”, mas do EP “Sigo de Volta”, lançado em 2016. A canção se torna o momento mais frio do espetáculo, principalmente pela falta de identificação do público – formado em sua maioria por mulheres e gays – com a letra.

>> Mais vídeos de Tiago Iorc no canal oficial do Setor VIP no YouTube!

No dia que o clipe chegou às redes sociais, a versão de “Bang”, sucesso da cantora Anitta, na voz do cantor mexe como o imaginário do público. “Tem uma pessoa querendo cantar comigo. Ela perguntou ‘Tiago deixa eu cantar com você?’ e eu entendi ‘Tiago deixa eu transar com você?'”, brinca antes de receber a cantora Maria Gadú. “Conheço essa moça desde 2008. Começamos juntos e estamos juntos. Sou muito grato”, agradece. “No meu terceiro disco, gravei uma música e não sabia o que fazer no refrão. Precisava de uma voz que fosse mais bonita que a minha e pedi pra Maria cantar comigo”, conta antes de “Música Inédita”. Do repertório da cantora, “Encontro”, “Shimbalaiê” e “Laranja” estiveram entre “Tempo Perdido” e “Quase Sem Querer”, da banda Legião Urbana.

“Tem gente pedindo música, mas eu não enxergo, sou míope!”, brinca antes de “Um Dia Após o Outro” e “Chega Pra Cá”. “Essa música eu gravei com uma moça que não está aqui hoje, mas vocês podem cantar a parte dela”, convida antes de interpretar a canção “Me Espera”, parceria com a cantora Sandy. “Cataflor”, “Dia Especial” e “Sorte” (gravada por artistas como Caetano Veloso e Gal Costa) aumentam a ansiedade do público por “Alexandria”, composta em parceria com Humberto Gessinger, ex-vocalista da banda Engenheiros do Hawaii. “Que coisa linda estar aqui nesse palco cantando coisas que são tão particulares para mim e que, de repente, começam a ter um significado para vocês”, agradece antes da versão completa de “Amei Te Ver”, última canção do espetáculo.

(Foto: Filipe Vicente / Setor VIP)

(Foto: Filipe Vicente / Setor VIP)

Tiago Iorc não possui banda de apoio e depende apenas de seu violão para interpretar as canções que embalam os corações apaixonados durante uma hora e quarenta minutos. O espetáculo, que tem como foco principal as composições românticas de Iorc, conta com uma iluminação simples, mas eficaz, que colabora com o clima intimista do show. A turnê “Troco Likes” tem shows marcados em Votorantim – SP (03/09), Rio de Janeiro – RJ (06/09), Chapecó – SC (08/09), Pelotas – RS (13/09), Montenegro – RS (18/09), Indaiatuba – SP (25/09), Ribeirão Preto – SP (30/09) e Vila Velha – ES (01/10). Mais informações, acesse o site oficial do Tiago Iorc. O show “Troco Likes Ao Vivo” – primeiro show da história filmado em um único plano sequência – terá sessões nos cinemas de diversas cidades do Brasil nos dias 27 e 29 de setembro, antes de chegar às lojas. Informações através do Ingresso.com.