Zezé Di Camargo e Luciano dão início às comemorações de 25 anos de carreira

Setor-VIP-Zeze-di-Camargo-e-Luciano-comemoram-25-anos-de-carreira-com-show-no-Espaco-das-Americas-em-Sao-Paulo

(Foto: Setor VIP / Carla Niccioli)

Nos dias 29 e 30 de abril, a dupla Zezé Di Camargo e Luciano reuniu família, amigos e fãs no Espaço das Américas, em São Paulo, para dar o pontapé inicial às comemorações de 25 anos de carreira. O espetáculo – um dos mais modernos do Brasil – segue o conceito da turnê “Flores em Vida”, com poucas, mas significativas mudanças. Ao longo de quase três horas, os cantores interpretam grandes sucessos como “A Ferro e Fogo”, “Pior é Te Perder”, “Sufocado”, “Tarde Demais”, “Pra Não Pensar em Você” e “Vivendo Por Viver”.

“Poucos artistas alcançaram tantos anos de carreira cercados por tanto amor”, agradeceu Zezé no início do show. “Esses momentos são especiais e é um prazer cantar para vocês”, afirmou antes de destacar a presença dos fã-clubes internacionais. “Passamos por momentos turbulentos, mas continuamos a receber o carinho gratuito das pessoas. Eu gostaria de um dia poder agradecer pessoalmente cada um. Sei que é impossível, mas essas palavras servem para mostrar minha eterna gratidão”, finalizou emocionado.

Com Zezé Di Camargo na guitarra, Luciano interpretou a tradicional “Do Seu Lado”, composição de Nando Reis, conhecida nacionalmente pela versão do grupo Jota Quest. O irmão mais novo desceu em direção ao público e fez um rápido dueto com a cantora Wanessa Camargo, que acompanhou o espetáculo da primeira fila. “Que bom cantar com você, mesmo que um pedacinho. É um privilégio para poucos”, derreteu-se Luciano. “Você arrasa!”, ela rebateu antes da trocarem declarações de amor.

Após o número “The Prayer” (originalmente um dueto de Celine Dion e Andrea Bocelli), onde Wanessa participa via telão com o pai, Zezé pediu que a filha subisse ao palco para cantar um trecho ao vivo. “Ela está gravando um disco novo e disse que não cantaria a música toda por estar sem voz”, explicou. Nervosa e com vergonha – nas palavras da própria artista -, Wanessa arrancou aplausos com sua potência vocal. “Você se tornou uma baita cantora”, elogiou Zezé após um bonito discurso em homenagem à filha.

(Foto: Setor VIP / Carla Niccioli)

(Foto: Setor VIP / Carla Niccioli)

“O que é ser segunda voz? Canto metade e ganho o mesmo”, disse Luciano em uma das inúmeras piadas do espetáculo. “Sou segunda voz, não sou burro!”, brincou. “Você parece um adolescente”, retrucou Zezé. “Pela atitude ou pela aparência?”, questionou Luciano. “Se fosse uns 10 anos atrás, eu falaria que era pelas atitudes…”, elogiou de forma discreta a boa aparência do irmão. “Uma vez estávamos na chácara do cantor Leonardo e ele me disse ‘você é muito baixinho’ e respondi ‘e você que é gordinho?'”, contou Zezé. “Então ele respondeu ‘mas eu posso emagrecer'”, finalizou arrancando risadas da plateia.

Sobre a polêmica participação no Instagram, Zezé Di Camargo não poupou ninguém. “Outro dia postei uma foto e escrevi ‘hoje é do hotel pro show, do show pro hotel’, aí a menina comenta ‘não vai dar tempo de passar no puteiro?’ e eu respondi ‘não, não vou passar na sua casa'”, contou sob uma chuva de aplausos e deixando claro sua indignação com a falta de educação das pessoas. “Mas também não é pra mentir. Outro dia uma me chamou de Deus Grego. Eu tenho 1.65m! Chama de baixinho bonitinho, bundudinho gostoso, mas Deus Grego é demais!”, finalizou entre canções como “Sem Medo de Ser Feliz” e “Cada Volta é um Recomeço”.

(Foto: Setor VIP / Carla Niccioli)

(Foto: Setor VIP / Carla Niccioli)

Toda a parte gráfica foi redesenhada. Os telões de alta definição exibem novas imagens e abraçam o público com suas diferentes formas, curvas e alturas impressionantes. As surpresas do espetáculo ficam por conta da versão voz e violão do clássico “É o Amor” e da interpretação de Zezé para a música “Gostoso Demais”, de Dominguinhos. A essência da dupla está presente em números como “No Dia Em Que Eu Saí de Casa”. As recentes “Flores em Vida” e “O Defensor” praticamente encerram o show da dupla Zezé Di Camargo e Luciano.

No saguão do Espaço das Américas, uma exposição virtual permitia ao público relembrar momentos importantes da carreira dos irmãos Zezé Di Camargo e Luciano, assim como escutar qualquer música da extensa discografia dos sertanejos. Na loja oficial da dupla, o destaque era o lançamento do selo em comemoração aos 25 anos de carreira dos artistas. “Se você sempre sonhou em passar a língua em Zezé Di Camargo e Luciano, basta ir até uma agência dos Correios”, brincou Luciano. A homenagem é merecida.