Alexandre Nero e grande elenco divertem público em “O Grande Sucesso”

(Foto: Priscila Prade)

(Foto: Priscila Prade)

Alexandre Nero e grande elenco se encontram no palco do Teatro Vivo, em São Paulo, para a encenação da peça “O Grande Sucesso”. Na história, um grupo de atores debate sobre a vida enquanto esperam suas deixas para entrar em cena. Os artistas iniciam as discussões ao assistir, de longe, a interpretação de Patrick Emanuel, o protagonista da peça onde são personagens secundários. Questões sobre sucesso e fracasso, e discussões de assuntos filosóficos, preenchem o massacrante tempo em que esperam por suas chances.

Com mais humor do que sentido, “O Grande Sucesso” diverte o público com piadas inteligentes e entretém a plateia com onze canções originais executadas ao vivo, resultado da criação coletiva. Cinco assinadas por Nero em parceria com outros artistas. Muito antes dos bem sucedidos personagens José Alfredo Medeiros, o Comendador, em “Império” (2014) e Romero Rômulo em “A Regra do Jogo” (2015), ambas novelas da Rede Globo, Alexandre Nero trabalhava em diversas vertentes como música e cinema. São mais de 30 trabalhos.

(Foto: Priscila Prade)

(Foto: Priscila Prade)

“O Grande Sucesso” marca o retorno de Nero aos palcos após oito anos da estréia de sua última montagem, “Bolacha Maria” (2008). No elenco estão Carol Panesi, Edith de Camargo (engraçadíssima no papel de uma fotógrafa francesa), Fernanda Fuchs (destaque para a cena em que ensaia uma segunda peça), Fabio Cardoso, Eliezer Vander Brock, Marco Bravo e Rafael Camargo, grande parte colegas dos tempos em que o ator vivia em Curitiba, sua cidade natal.

Parte do criativo figurino criado por Karen Brusttolin se mistura ao impactante cenário assinado por Marco Lima que, somado à iluminação poética e por vezes divertida de Nadja Naira, contribuem para o desenvolvimento da história. A pontual direção de Diego Fortes transforma algumas cenas em momentos inesquecíveis (como quando os atores assistem ao pôr do sol que acontece no espetáculo em que fazem parte). Fortes é o responsável pelo texto, que passa a fazer certo sentido quando se entende que não se deve fazer sentido algum. A direção musical é de Gilson Fukushima.

(Foto: Priscila Prade)

(Foto: Priscila Prade)

“O Grande Sucesso” está em cartaz no Teatro Vivo (Av. Dr. Chucri Zaidan, 2460 – Morumbi), em São Paulo, às sextas (21h30), sábados (21h) e domingos (18h). As entradas custam de R$ 15,00 (meia) a R$ 100,00 (inteira) e podem ser encontradas no site oficial do Ingresso Rápido. “O Grande Sucesso” tem duração de 105 minutos e classificação indicativa para maiores de 14 anos. Até 16 de outubro. Estrela1 Estrela1 Estrela1