Fernando Belo e Kiko Vianello reestreiam “Pedro e o Capitão”

Fernando Belo e Kiko Vianello

Fernando Belo e Kiko Vianello

A cidade de São Paulo oferece uma vasta programação cultural. Além de exposições, shows, desfiles de moda e muitos outros eventos estão as peças de teatro. Estar em cartaz na capital é sinônimo de ficar na boca do povo no país inteiro. Dos musicais que custam até R$300,00 às peças gratuitas, todos os assuntos são abordados das mais diferentes maneiras.

De forma acessível, os atores Fernando Belo e Kiko Vianello retornam ao gracioso palco do Centro Cultural Banco do Brasil em São Paulo com o espetáculo “Pedro e o Capitão”. Escrita pelo uruguaio Mario Benedetti (1920 – 2009), a peça retrata parte do sofrimento de um homem capturado por se opor a ditadura. Muito famoso na literatura latino-americana, Benedetti foi exilado em 1973 e inspirou-se em sua experiência para escrever quase 100% de sua obra.

Assista ao making-of do espetáculo “Pedro e o Capitão”:

https://www.youtube.com/watch?&v=Q1P2t4gMtg4

Em cartaz desde o dia 31 de outubro de 2013, “Pedro e o Capitão” chama atenção por diversos motivos. O primeiro deles é o talento do jovem Fernando Belo (conhecido do grande público por seu papel na novela “Saramandaia”, da Rede Globo), muito natural ao demonstrar a dor de ser torturado na prisão. Belo – que faz jus ao sobrenome – atuou em musicais como “RENT” e “A Bela e a Fera”.

O cenário de Omar Salomão também chama atenção. Apesar da simplicidade, cumpre o seu papel. A iluminação de Fran Barros e trilha sonora de Dr. Morris também valem a ida ao teatro. A direção de “Pedro e o Capitão” – que foi patrocinada pelo Banco do Brasil – ficou a cargo de Marcos Loureiro, um dos pontos que deixam à desejar, assim como a performance de Vianello.

Cena de "Pedro e o Capitão"

Cena de “Pedro e o Capitão”

“Pedro e o Capitão” fica em cartaz por curta temporada no Centro Cultural Banco do Brasil de São Paulo que localiza-se na Rua Álvares Penteado, 112, Centro. Quarta à sábado às 20h e domingo às 19h. Os ingressos custam R$10,00. Até o dia 19 de janeiro.